segunda-feira, 13 de maio de 2013

AINDA HÁ SOLUÇÃO?

CRÔNICA





                 OS VERDADEIROS ANIMAIS





          Não tem jeito, vai e volta nos deparamos com o tema sobre violência. Seria muito bom que se realmente fosse necessário falar sobre esse assunto que isso acontecesse de vez em quando. Mas, parece uma peste impregnada na raça humana. Até quando? Não sabemos; O fato é que infelizmente parece fazer parte da cultura cerebral.

                    Se vocês se lembram, uma das minhas primeiras CRÔNICAS, tina como tema, VIOLÊNCIA NO CAFÉ DA MANHÃ. Realmente, eu, procuro de tudo para não está assistindo programas que destacam violência logo nas nossas madrugadas. Porém, não tem como agente escapar desse tipo de assunto no nosso cotidiano. Hoje acordei, deveria ser, umas oito e pouco da manhã, quando me deparei com uma cena chocante, no programa da Ana Maria Braga (mais você). Uma Senhora ensinando ao filho de uns três ou quatro anos, como se devia tratar os bichos. Triste cena, deplorável cena, repugnante cena... Doía no coração, ou melhor dói no coração, assistir tamanho ensinamento.
                    Quando falo que é péssimo para a mente acordar com cenas dessas natureza, não estou falando só  por falar,. É impressionante como levamos isso com agente pra todo lugar a todo momento. Parece nódoa encrustada na parte interna do crânio. Se você não assistiu, imagine a criança com a idade provável que citei a cima, ela, pegando um cachorrinho com mais ou menos uns dois meses de vida e arremessando contra a parede, e em seguida chutando-o e pisando-lhe a cabeça... (várias vezes) e tudo isso sendo ENSINADO e ordenado pela mulher que diz ser mãe! Sim, por que um troço daquele não poderia nunca ser mãe de alguém! Sabemos e perdoamos a criança que numa idade dessa não, jamais é culpada, por fazer (sem juízo algum) o que sua mãe pedia que fizesse. Porém uma criança sendo criada com esse tipo de ensinamento, no mínimo ela porá em prática esse instinto que foi desenvolvido desde pequeno. Ou não? É bem verdade que as pessoas crescem e mudam... contudo, nem sempre mudam. De qualquer maneira, não podemos adivinhar em que se transformará uma criança, filho de uma mulher violenta como essa. Torcemos a penas que esses ensinamento, sejam em vão e que seu filho transforme-se num homem de bem! Como falei no início desse texto, parece que o fator violência está fazendo parte da cultura da raça.
                 Eu fico me perguntando e gostaria que vocês se perguntassem: "Por que uma mãe, ensinaria ao filho que o modo certo de tratar os animais é agredindo-os e fazendo-os sofrer até a morte? A sorte desse cãozinho em questão, foi um vizinho ver a barbaridade e teve a coragem de denunciar e não sei como (talvez por milagre) o bichinho escapou desse fim que seria trágico. Sabe quantos animais são mal tratados e espancados até a morte por seus donos? Pois é, também não sei! O certo é que não deveria existir nenhum animal para sofre nas mãos dos seus criadores. Não podemos nunca, querer descontar nos bichos o que teríamos vontade de fazer com o ser humano. Será que não é isso? Vai ver, que o desejo dessa mãe seria espancar o marido, o vizinho, a amante do marido... e descarregou essa raiva num animalzinho de apenas dois meses de vida? Não duvido nada!
                  Gostaria de saber qual a diferença em destruir a vida de um animal ou destruir a vida humana! VIDA É VIDA, os sentimentos de dores e emocionais são os mesmos. A única diferença, é que os animais amam com o verdadeiro sentimento. São fiéis e cheios de alegria, não são falsos nem tão pouco ensinam seus filhos serem violentos. Muitos desses bichos, tem até a finalidade de curar doenças e são grandes amigos não só de crianças como de marmanjos que se encontram debilitados psicologicamente e até fisicamente. E o que eles ganham com isso? Nada, muitas vezes só, ração! E o maior desejo dos bichinho, o prêmios que eles mais anseiam, é um ato de carinho que seja... E não pontapés e pisões nem tão pouco estrangulamento por parte dos seus donos.
                   Quem são os verdadeiros animais? Alguém já viu uma gata ensinando seus filhotes como maltratar os humanos? Não né! A obrigação de nós SERES HUMANOS é no mínimo, respeitar a natureza. Assim, nunca vamos fazer com que bichos indefesos sofram nas mãos DOS VERDADEIROS ANIMAIS!
                    Este vídeo, fica a critério dos pais mostrarem aos filhos... Se for pra ensinar como não se faz, eu acho que seria muito bom! Devo assistir?




                 

Publicação em destaque

A DISTÂNCIA E A SAUDADE

CRONICA                      ADISTÂNCIA E A SAUDADE     A vida começa na concepção do amor. São muitas brincadeiras, risos e palha...